DIRETOR DO IPAM REVELA PREJUÍZO SOBRE OS JOGOS À PORTA FECHADA EM PORTUGAL

Daniel Sá, Diretor Executivo do IPAM, considera que o impacto dos jogos à porta fechada terá consequências para todos os clubes, mas também para as empresas que estão indiretamente ligadas ao futebol.
  • Início
  • Notícias
  • DIRETOR DO IPAM REVELA PREJUÍZO SOBRE OS JOGOS À PORTA FECHADA EM PORTUGAL
DIRETOR DO IPAM REVELA PREJUÍZO SOBRE OS JOGOS À PORTA FECHADA EM PORTUGAL
12 março 2020
Daniel Sá, Diretor Executivo do IPAM, considera que o impacto dos jogos à porta fechada terá consequências para todos os clubes, mas também para as empresas que estão indiretamente ligadas ao futebol.

Citando o artigo publicado em A Bola,

«Se olharmos para a Liga, na época passada completa, recebemos nos estádios mais de 3,5 milhões de espectadores. Apesar de não haver números objetivos, isto, em receitas, pode ter gerado qualquer coisa como 80 milhões de euros. Portanto, podemos pensar que, a cada jornada sem espectadores, estamos a retirar uma fatia destes 80 milhões, o que, no caso do futebol português, é uma fatia significativa, com particular incidência para os três grandes clubes, que representam mais de 60% do número de espectadores», explicou, em declarações à Renascença.

Leia o artigo completo aqui.

Share
Whatsapp
Contacta-nos

IPAM Lisboa: Estr. da Correia 53. 1500-210 Lisboa

+351 210 309 930

IPAM Porto: Rua Manuel Pinto de Azevedo, 748. 4100-320 Porto

+351 229 398 089

© 2023 IPAM. Todos os direitos reservados